terça-feira, 28 de julho de 2015

A Caixinha de Lembrança

Tenho medo de não ser quem sou, tenho medo de que um mais um não seja dois, eu sei é loucura, não tenho medo de errar com as outras pessoas e sim comigo mesma, tenho medo de até mesmo usar palavras erradas, tenho minhas opiniões e os outros suas conclusões... Tudo isso é estranho mais é a verdade.
Medo de olhar para trás e reviver todo o meu sofrimento, aquele o qual eu tentei esquecer mais não consigo, tenho um sorriso na minha "CAIXINHA DE LEMBRANÇA" que nunca mais sairá, palavras que foram simples, mais teve um grande significado, acordar hoje e não ve-lo mais me trás  uma tristeza.
As vezes dizia coisas estranhas mais era essas palavras estranha que me fazia a IRMÃ mais feliz do mundo...
COM CARINHO NICOLLAS... 😍😍

sexta-feira, 24 de julho de 2015

O Garoto do Fundo


 Você não era nem de longe o mais bonito. Era só mais uma pessoa naquela sala, mas, não sei por que, pra mim era diferente. Talvez pelas suas respostas, pelas histórias que você contava, pelos seus interesses ou por todos esses detalhes que eu reparava em você, assim, sem perceber. Não queria isso, não tinha planejado, muito menos agora que acabei de me recuperar de um tombo. Peguei uma doença por você. Até agora não passa de um resfriado, mas não faço ideia de como vai acabar.
 Desde aquela primeira aula, tudo que eu tinha pensado a respeito de me apaixonar, e toda a tolice que é se apaixonar na época de colegial, passou a não importar pra mim. E o pior? ... O pior é que era segredo – e dessa vez eu não poderia gritar.
...

 Não dorme, não. Fica acordado. Ah, não. Se for pra prestar atenção nela, melhor voltar a dormir. Dorme, garoto. É melhor dormir. O mundo é complicado demais pra ficar acordado, e eu sei que você sabe disso – por isso gosto de você.

 Dorme, que a caminhada é longa e a guerra também. Senta bem lá no fundo, se esconde. Nem você nem eu estamos preparados para acordar.

terça-feira, 21 de julho de 2015

                                                               Dúvida







São tantas dúvidas , tantas perguntas que queremos respostas que ainda não foram encontradas , que não sei por onde começar . Talvez por nós acharmos que nunca vamos nos apaixonar por alguém de verdade , talvez porque o primeiro não deu certo ou não correspondia aos seus sentimentos.Quando realmente você pensa que tudo voltou a ficar colorido e finalmente você se apaixonou outra vez , alguma coisa acontece e aquele encantamento todo vai se desfazendo , até ficar preto e branco novamente .Voltamos a estaca zero.
Você desiste de se apaixonar e pensa que nenhuma pessoa nesse mundo consegue te corresponder.
Depois você encontra alguém novo que pensa ser a pessoa certa , mas você estava errada.
Você se pergunta: Aff . Por que isso outra vez ?
Talvez , seja a vida te dando mais uma chance para recomeçar até encontrar alguém que te faça feliz.